Produção de máscaras por empresas do Polo de Confecções é reforçada 

Utilizar a força produtiva do Polo de Confecções do Agreste. Esta é uma das estratégias do deputado estadual Delegado Erick Lessa para minimizar os impactos da pandemia do novo coronavírus. O deputado reforçou a articulação para que equipamentos de proteção individual (EPIs) sejam confeccionados por empresas do Polo Têxtil. “Conversei com empresários e apresentei ao Governo do Estado a possibilidade de empresas do nosso Polo produzirem equipamentos como máscaras e toucas para auxiliar os profissionais de saúde”, disse o deputado.

 


A proposta já foi apresentada pelo parlamentar ao Governo do Estado, por intermédio de um ofício protocolado no dia 25/03. O documento ainda registra outras propostas, a exemplo da reserva de EPIs para abastecimento dos hospitais públicos no interior do estado, evitando assim o risco de contágio e adoecimento dos profissionais de saúde.

 


O desabastecimento de EPIs nas unidades de saúde é um dos principais desafios em todo o mundo. Com a pandemia do coronavírus, começou uma corrida mundial pelo produto, que está ficando cada vez mais escasso. O Ministério da Saúde do Brasil anunciou que vai lançar uma campanha digital para a população fabricar as próprias máscaras de pano.

 

ACIC

 




Lessa também participou de uma live com o presidente da Associação Comercial e Empresarial de Caruaru (Acic), Luverson Ferreira, na tarde deste sábado, 04, data em que a entidade celebra 100 anos de fundação. Durante a transmissão ao vivo, pelo Instagram, o deputado ressaltou a importância da centenária instituição para Caruaru. “A criatividade empreendedora da população e a força do associativismo são fundamentais para o desenvolvimento do município. Tenho certeza de que, com união e as bênçãos de Deus, vamos vencer este momento de tempestade que o mundo está passando”, declarou.

[themoneytizer id=”16539-16″]