CuriosidadesDicas

Como economizar e ainda investir na Black Friday?

A Black Friday está chegando! E se você está a fim de comprar alguma coisa com desconto na Black Friday e não quer deixar de investir, então separamos 5 dicas para você aproveitar as melhores ofertas, conseguir o máximo de desconto e ainda investir o dinheiro economizado em oportunidades que valem a pena. Confira abaixo:

1 – Faça uma lista

Uma dica fundamental para você evitar compras por impulso: faça uma lista do que quer comprar. Ao fazer isso, além de você evitar comprar coisas desnecessárias só porque parecem estar em promoção, você também vai anotar os preços normais desses itens para, no dia da Black Friday, ter certeza se está pagando mais barato.



2 – Anote os preços

Anotou tudo que quer comprar? então anote também o preço de tudo que você colocou na sua listinha. Você vai evitar ser enganado e acabar comprando aquele famoso produto “metade do dobro”!

Se ainda não sabe o preço das coisas, há sites e aplicativos onde é possível verificar preços dos últimos meses de qualquer coisa que você quer comprar, se abaixou ou aumentou aquele produto e em todas as lojas online.



3 – Faça as contas

Não é porque é Black Friday que você está desculpado para estourar o cartão e ficar endividado o resto do ano: controle-se e faça as contas com antecedência de o quanto pode e o quanto deseja gastar com o total das compras, e também com cada produto individualmente da sua lista. Não se esqueça de que o começo de ano envolve gastos, como impostos e matrículas. Se esse for o seu caso, coloque na balança o quanto pode gastar com compras.

4 – Saiba onde comprar

Uma dica básica, mas é onde muita gente acaba caindo em golpes digitais. Por isso, evite sites desconhecidos e recorrer a iniciativas como a Black Friday Legal e Black Friday de Verdade. Os dois sites têm a lista de lojas participantes, que são confiáveis e praticam descontos reais, sem fazer aquela coisa de subir o preço antes para dar um desconto fake na Black Friday.



5 – Invista

Se você se planejar direitinho, não vai ficar com sentimento de culpa e ainda vai potencializar o crescimento dos seus investimentos investindo a economia que fez ao esperar para comprar na Black Friday aquilo que você já precisava (e pagaria mais caro se comprasse antes).

Então se o seu objetivo nessa Black Friday é não gastar, mas sim investir, conheça primeiramente qual é o seu perfil de investidor para saber qual investimento se adapta melhor aos seus objetivos e prazos de investimento e há opções para todos os perfis, do conservador ao agressivo.



Ao ter isso em mente, ficará mais fácil saber se você deve investir em renda fixa (seja Tesouro Direto, CDB, LCI, LCA, Debêntures, LC, CRI ou CRA), em fundos de investimento (FIIs também) ou em renda variável (ações, contratos futuros, ETFs, Commodities e câmbio).

Ceça Ricarte

Ceça Ricarte - Jornalista de formação, com mais de 15 anos de experiência, nas mais diversas áreas que o Jornalismo se propõe. Natural de Recife, mas que escolheu Caruaru para amar e viver! Entre idas e vindas, está fixa na Capital do Forró há 12 anos.

Deixe uma resposta