NotíciasPernambuco

Máscaras de proteção contra Covid deixam de ser obrigatórias em escolas e passam a ter uso recomendado

A partir de quinta (18), o uso de máscaras em ambientes fechados nas escolas de Pernambuco deixa de ser obrigatório e passa a ser recomendado para o Ensino Médio. A informação foi divulgada na noite desta quarta (17), pela Secretaria Estadual de Saúde (SES), no boletim diário de acompanhamento da pandemia.

Segundo o governo, a medida foi tomada diante da “diminuição dos números da Covid-19 no estado”. Ainda de acordo com a secretaria, nos ensinos infantil e fundamental, o uso da proteção segue obrigatório.

A recomendação vale para as escolas das redes privada e pública. A rede estadual de ensino conta, atualmente, com 317.637 estudantes no Ensino Médio.



Desde março, o uso de máscara foi flexibilizado em ambientes abertos, incluindo áreas comuns das escolas.

Por meio de nota, o secretário de Educação de Pernambuco, Marcelo Barros, afirmou que o estado vai acompanhar os dados epidemiológicos e fará “avanços de forma gradativa”.

Dados
Segundo a secretaria, o estado vem registrando, nas últimas semanas, redução nos casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (Srag) e também de internamentos na faixa etária de alunos do Ensino Médio.

“Entre os casos de Srag notificados e positivos para Covid-19, Pernambuco vem registrando nas duas últimas semanas epidemiológicas o menor patamar do ano”, disse o estado.



Foram notificados 287 casos na semana epidemiológica, entre os dias 31 de julho e 6 de agosto, e 303, na semana que compreendeu o período entre os dias 7 e 13 de agosto.

O governo informou que registrou 26 casos positivos entre 31 de julho e 6 de agosto e 23, na semana seguinte. ”A taxa de positividade para a Covid está em 2,5% no estado”, acrescentou.

O governo informou que foram aplicadas 21.656.539 doses de vacinas contra a Covid- 19 na população, desde o início da campanha de imunização, no dia 18 de janeiro de 2021.



Aviação
Também nesta quarta, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) retirou a obrigatoriedade do uso de máscaras em aeroportos e aeronaves. A agência segue recomendando o uso nesses ambientes.

O uso de máscaras em aviões e aeroportos era exigido desde 2020. A retirada da obrigatoriedade passou a valer no começo da noite desta quarta, quando a resolução da Anvisa foi publicada em edição extra do Diário Oficial da União.



Deixe uma resposta