Segundo suspeito de assassinar o major Gláucio Rezende se entrega à polícia, em Arcoverde

O segundo suspeito de matar a tiros o major Gláucio Rezende em Buíque se entregou à polícia na terça-feira (21), em Arcoverde, no Sertão de Pernambuco. Um homem, apontado com um dos assassinos, havia sido preso na segunda (20) na zona rural do mesmo município.

O suspeito que foi preso na terça é um jovem de 18 anos. Ainda há um terceiro homem envolvido no crime, que segue foragido. O caso está sendo investigado pela Delegacia de Polícia Civil.

Primeiro suspeito preso
A Polícia Militar prendeu, no fim da noite da segunda-feira (20), um homem apontado como um dos responsáveis pelo assassinato do major Gláucio Rezende, que foi morto a tiros no domingo (19), em Buíque, no Agreste. O homem foi preso na zona rural de Arcoverde.



Com ele, foi apreendido um revólver calibre 38, com seis munições intactas. Posteriormente, ele identificado como um dos suspeitos do homicídio. Ele foi levado para a Delegacia de Polícia Civil local, para as providências cabíveis.

Entenda o caso
Um policial militar foi morto a tiros durante uma perseguição em Buíque. Segundo a Polícia Civil, o major Gláucio Rezende, que era natural de Custódia, teria abordado dois homens que tinham roubado uma moto. Em seguida, houve uma troca de tiros e o policial foi atingido.



Deixe uma resposta