Santa Cruz do Capibaribe proíbe fogueiras, comercialização e soltura de fogos de artifício

A Prefeitura de Santa Cruz do Capibaribe proibiu a queima de fogueiras, comercialização e soltura de fogos de artifício durante o período da pandemia neste mês de junho. A decisão, que foi anunciada após a publicação no novo decreto municipal, tem o objetivo de prevenir problemas respiratórios e queimaduras, evitando a superlotação dos hospitais.




Segundo a Prefeitura, a medida atende as recomendações das autoridades sanitárias do país e da Procuradoria Geral de Justiça. Durante o período, haverá fiscalização nas ruas e caso necessário, as autoridades podem tomar medidas cabíveis.




Quem descumprir o decreto poderá responder pelos atos de infração de medida sanitária preventiva e crime de desobediência.




Deixe uma resposta