Prorrogado prazo de destinação do Imposto de Renda para projetos sociais

Nesta última terça-feira (05), a Receita Federal decidiu prorrogar o prazo da entrega da declaração do imposto de renda para o dia 31 de maio. Com mais tempo, o contribuinte pode aproveitar para planejar a destinação de parte de sua contribuição a projetos sociais que atendam crianças e adolescentes.

 

Em todos os cantos do Brasil, é possível encontrar projetos sociais que estão fazendo a diferença em sua comunidade. Como cada território possui algum tipo de fragilidade, essas iniciativas promovem diversas atividades envolvendo educação, saúde, assistência ou cultura, como é o caso do Infância sem Trabalho da cidade de Bacabal (MA).

 

Com a proposta de enfrentar o problema do trabalho infantil no município, agravado durante a pandemia da Covid-19, a iniciativa atende cerca de 100 crianças e adolescentes no turno inverso ao da escola, oferecendo oficinas educativas e culturais.




O projeto foi o indicados pelo CMDCA (Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente) de Bacabal (MA) para ser beneficiado pelo programa IR Cidadão, realizado pelo Itaú Social, que apoia iniciativas por meio da destinação de parte do IR devido pelas empresas e colaboradores do conglomerado Itaú Unibanco Holding S.A. O valor arrecadado é repassado aos Fundos dos Direitos da Criança e do Adolescente, geridos pelos Conselhos Municipais.

 

A coordenadora do projeto, Célia Santos, explica que, com o apoio dos recursos vindos do IR, foi possível “realizar campanhas educativas e publicações, além de ações com ênfase na mobilização social e na articulação para divulgação dos direitos e defesa da criança e do adolescente, voltados a famílias e a comunidade”.

Com prazo prorrogado, contribuintes podem aproveitar o tempo a mais para destinar parte de seu Imposto de Renda a projetos sociais



Pessoas físicas que fazem a declaração no modelo completo podem apoiar projetos sociais, destinando até 3% do valor devido ao Fundo da Criança e do Adolescente. Potencial de destinação é de cerca de R$ 5 bilhões por ano, caso todos os cidadãos e empresas fizessem a opção de doar parte do seu imposto.

 

A destinação do imposto de renda pode ser feita também pelos contribuintes no momento da declaração. Para quem opta pelo modelo completo, é possível destinar até 3% do IR para projetos sociais sem pagar nada a mais por isso.




Deixe uma resposta