Morre o cantor pernambucano Augusto César

O cantor pernambucano Augusto César morreu, na noite dessa terça-feira (20), aos 61 anos, no Recife. Ele, que tinha 35 anos de carreira, estava internado no Hospital da Hapvida da Caxangá, no Recife, desde o domingo (18).

Diabético, Augusto teve problemas renais agravados após contrair Covid-19 e faleceu depois de várias paradas cardíacas, por volta das 22h15.




De acordo com um dos filhos do cantor, o também músico e empresário dele, Guto César, a diabetes de Augusto estava com os índices alterados e as funções renais foram prejudicadas.

O sepultamento do cantor está marcado para o Cemitério Morada da Paz, em Paulista, na Região Metropolitana do Recife. A cerimônia acontecerá às 17h. Segundo a necrópole, não haverá velório.




O cemitério não irá proibir o acesso dos fãs, mas fará controle de acesso e temperatura, assim como orientará o distanciamento.

Aos fãs que quiserem prestar uma última homenagem, o Morada da Paz disponibilizou um obituário para que possam ser depositadas mensagens, compartilhar uma memória ou acender uma vela. O link para acesso é o https://www.moradadamemoria.com.br/perfil/12138




Ceça Ricarte

Ceça Ricarte - Jornalista de formação, com mais de 15 anos de experiência, nas mais diversas áreas que o Jornalismo se propõe. Natural de Recife, mas que escolheu Caruaru para amar e viver! Entre idas e vindas, está fixa na Capital do Forró há 12 anos.

Deixe uma resposta