‘Me sinto livre’, diz jovem ao iniciar remoção de tatuagem feita no rosto pelo ex-namorado

Tayane Caldas, que teve o rosto tatuado pelo ex-namorado, iniciou o procedimento para fazer a remoção da inscrição. Depois de uma mobilização nas redes sociais, a jovem ganhou o tratamento para retirar a tatuagem no rosto e das áreas íntimas. Ela afirma que os desenhos foram feitos à força pelo ex.

“Uma sensação de alívio, de felicidade. De sentir o recomeço, de me sentir livre“, disse Tayane Caldas após a primeira sessão para a remoção da inscrição no rosto.
O tratamento está sendo feito em uma clínica de estética em Taubaté. Ela ganhou o tratamento após a repercussão do caso e mobilização de clínicas, profissionais e influenciadores para apoia-la na remoção.

A primeira sessão foi feita nesta quarta-feira (25). Já na primeira sessão a inscrição com o nome do namorado começa a ficar menos aparente. A imagem com o relato de Tayane foi compartilhada por sua advogada nas redes sociais.



A jovem deve fazer algumas dezenas de sessões do tratamento, que é à laser, para a remoção.

O ex-namorado de Tayane, Gabriel Coelho, segue preso. A Polícia Civil investiga o caso e trabalha no apuração do consentimento da jovem, já que as versões dos dois são divergentes.

A jovem conta que foi tatuada à força, depois de ser sequestrada e mantida em cárcere pelo ex, contra quem tinha uma medida protetiva. Já Gabriel diz que a tatuagem foi consentida e que ela seguiu com ele no dia por vontade própria.

Ele está preso de forma preventiva, até o fim do inquérito, que deve ser concluído na próxima semana. Além disso, ele vai seguir preso por ter descumprido uma medida protetiva.



Como aconteceu, segundo Tayane
Tayane contou que saía de casa na sexta-feira (20) para ir a um curso, quando ele a abordou e obrigou que seguisse em seu carro com ele. Ela foi levada até a casa de Gabriel, onde passou por uma sessão de tortura, com agressões e ofensas.

Em um momento das agressões, Gabriel disse que faria uma terceira tatuagem nela com seu nome, mas agora no rosto – ela já tinha duas outras com o nome dele, uma no seio e outra na virilha.

Devido à medida protetiva contra Gabriel, a mãe acompanhava a rotina da filha, que não saía sozinha de casa, com medo de que fosse pega pelo ex.

No sábado (21), a jovem voltou para casa e foi acolhida pela mãe com hematomas e a tatuagem cobrindo a lateral do rosto com o nome do ex-namorado. A mãe procurou a polícia e ele foi preso por descumprimento de medida protetiva que a jovem tem contra ele.

Pai de rapaz que tatuou nome no rosto da ex conta versão do filho.

Qual a versão de Gabriel?
Gabriel Coelho nega a versão de que teria tatuado a jovem à força. Na delegacia, segundo a Polícia Civil, ele disse que ela permitiu a tatuagem e ainda negou agressões.



Para justificar a inscrição no rosto de Tayane, ele disse que ela havia feito uma tatuagem em sua virilha com o nome dela e, em consequência, fez ele deixou sua assinatura no rosto dela, mas de forma consensual.

O pai do jovem também foi ouvido pela polícia. A conduta dele também passou a ser investigada porque ele dirigia o carro quando Gabriel abordou a ex, mesmo com uma medida protetiva que o impedia de se aproximar.

Na delegacia, segundo a polícia, ele entregou o celular com trocas de mensagens entre o filho e a jovem, além de um áudio em que ela aparece tatuando a virilha de Gabriel.

O pai ainda disse que o casal costumava infringir a protetiva, mantendo encontros e, por isso, acompanhou o filho até a casa de Tayane, mas que ela entrou no veículo de forma consensual e negou a alegação de cárcere privado. Ele reforçou ainda que a tatuagem foi permitida por Tayane.

Relacionamento conturbado
A vítima contou que eles se conhecem há seis anos e começaram a namorar há dois anos, quando ela tinha 16. Os primeiros meses do relacionamento começaram tranquilos, segundo Tayane, mas ao longo do primeiro ano ele passou a ter comportamentos possessivos, até que começaram as agressões.



Após reatarem, eles foram morar juntos, quando Tayane passou a ser vítima de constantes agressões, teve o seio e a virilha tatuada com o nome do jovem e só conseguiu sair de casa fugida.

Rapaz não aceitava o fim da relação
A mãe de Tayane, Deborah Velloso, chegou a pedir que ele aceitasse o fim do relacionamento, mas ele se recusou e enviou um áudio, dizendo que o pedido não adiantaria de nada.

De acordo com a mãe da jovem, a filha tinha duas medidas protetivas contra Gabriel, uma de 2021 e outra de abril de 2022.



 

Deixe uma resposta